Pele & Poesia – Lucimara Lambert

A sensualidade está na maneira de olhar. Na força que os músculos não aparentam. Na humildade de quem reconhece que caiu e na fortaleza dos que são capazes de se levantar.

Gorete Marques19 de janeiro de 2016-22

Por um mundo com menos técnicas para aumentar a autoestima e mais amor próprio e autenticidade. Admirar a imagem no espelho é para poucos. Pessoas que não precisam de elogios para reconhecer a própria beleza. Atitude: ter coragem o suficiente para viver os próprios sonhos.

IMG_7526-2

Ouvi histórias. Encontrei mulheres de voz baixa e personalidade forte. De lutas vividas e sonhos destruídos. De sonhos reconstruídos por batalhas maiores. Na curva de um sorriso, vi algo mais. No brilho dos olhos. Na espessura das cicatrizes do coração.

Gorete Marques19 de janeiro de 2016-28
Está é Lucimara Lambert, 35 anos, mãe, mulher. Corajosa o suficiente para encarar os próprios medos. Forte o suficiente para não desistir antes da batalha começar. Sábia o suficiente para reconhecer a diferença entre orgulho e amor próprio.

Gorete Marques19 de janeiro de 2016-11

Viu o fundo do poço. Na falta cordas, aprendeu a escalar paredes. Ouviu próprio coração. Do tipo que não precisa esbravejar para fazer-se presente. Daquelas que provocam sem perceber. Que te desafiam porque já foram desafiadas pela vida e venceram.

20160224104347

Com ela aprendi uma coisa: No fundo, você sabe o que quer. Bem lá no fundo, reconhece o tamanho dos próprios medos e sabe que eles são menores do que você está tentando acreditar. Tenha a coragem para ser o tipo de mulher que você sempre admirou!

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *